Petista rebate candidato, diz que não existe manipulação e aponta falta de ética

0
29

a001“O clima para o PED 2013 do PT na Bahia segue de maneira tranquila. A mídia não tem poder de intervenção como a militância. Acompanhei inúmeras reuniões para garantir o máximo de filiados envolvidos no processo e fiquei abismado com o que foi divulgado neste sábado”. A fala é do membro do diretório do PT de Salvador e diretor de cultura do DCE da UFBA, Gilcimar Brito, e se refere às acusações de um dos candidatos ao cargo de presidente estadual da sigla sobre o pleito deste domingo (10).

“O companheiro Ernesto Marques está fazendo uma campanha irresponsável e antiética. Não possui o apoio da militância e recorre à imprensa para desqualificar o PED e o PT. Além disso, expõe nosso governador com o objetivo de desgastá-lo perante a sociedade baiana. Durante toda a campanha do PED, o candidato da minoria, utilizou-se dos seus contatos com a imprensa para tentar travar um debate rasteiro, com acusações pessoais e sem provas. O lugar de Ernesto não é no PT”, declara o militante.

Ainda segundo o petista, o projeto do PT segue seu curso natural, que caminha para a sucessão do governo Jaques Wagner em 2014. “Neste domingo, o pleito deve seguir a característica dos anteriores, para criarmos as condições de garantir também no ano que vem o máximo de representantes nas bancadas na Assembleia, na Câmara Federal e, inclusive de administrar esse debate para a sucessão”, completa.

*Por Ascom PED 2013

SEM COMENTÁRIO