Pesquisa de médico bonfinense é destaque no tratamento de pacientes com doenças renais

8
4779

Foto: Marcelo Silveira/Arquivo Pessoal.

Uma pesquisa sobre os efeitos da própolis, uma resina natural produzida por abelhas, sobre a proteinúria, a perda de proteína na urina, que costuma ocorrer em pacientes com doenças renais, é uma das mais novas descobertas da área da nefrologia. O estudo foi divulgado pelo nefrologista bonfinense Marcelo Silveira, que é aluno de doutorado do grupo de nefrologia da faculdade de medicina da USP.

Recentemente, a pesquisa de Marcelo foi destaque em uma reportagem sobre o tema no Jornal da Cultura, da TV Cultura. Na matéria, é apresentado um paciente que tomou 500 mg de extrato de própolis durante um ano, e as inflamações renais diminuíram em 30%, o afastando de sessões de hemodiálise e de um transplante futuro.

“O nosso objetivo foi avaliar a taxa de redução de proteinúria, a perda de proteína na urina, com a própolis. E ao final de 12 meses, identificamos uma redução de em torno de 40% a 50% da proteína na urina”, disse Marcelo. Segundo a pesquisa, a própolis pode ser um tratamento complementar, acessível para diminuir o avanço da doença, sem efeitos colaterais e sem interferir na ação de outros medicamentos. 

De acordo com a reportagem, até este ano, cápsulas da substância devem chegar às farmácias. Também devem aparecer novos estudos em outras áreas da saúde, segundo Marcelo. “As propriedades que a própolis tem e os resultados que conseguimos em laboratório são interessantes também pra outros tipos de doença”.

De acordo com Marcelo, após a reportagem em rede nacional, o seu trabalho tem ganhado bastante visibilidade. “Nefrologistas do Brasil inteiro estão interessados na pesquisa”. Um resumo do trabalho foi publicado no site da SBN – Sociedade Brasileira de Nefrologia.

Marcelo apresentou o trabalho no Congresso Americano de Nefrologia em San Diego, Califórnia | Foto: Marcelo Silveira/Arquivo Pessoal.

O bonfinense Marcelo Silveira é doutorando em Nefrologia pela Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), Especialista em Nefrologia pelo Hospital das Clínicas da FMUSP, Professor colaborador da Disciplina de Nefrologia da FMUSP, Especialista em Clínica Médica pelo Hospital Santa Marcelina-SP, e graduado em Medicina pela Universidade Estadual de Alagoas, além de fazer parte da Diretoria de Fisiologia e Fisiopatologia da Sociedade Brasileira de Nefrologia.

Filho de José Braz, ex-prefeito de Andorinha, e de Sandra Duarte, professora aposentada, Marcelo estudou durante todo o período escolar no Colégio Sacramentinas em Senhor do Bonfim, ao qual é bastante grato e onde fez amizades que mantém até hoje.

8 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns aos pais e em especial ao Dr Marcelo Silveira….q o Divino Espírito Santo te ilumine sempre a servir o próximo.

  2. Parabéns, Marcelo. Fazer a diferença é sempre importante. Não importa a profissão que se assume o importante é fazer a diferença.

  3. Parabéns,Dr.Marcelo! Quando terminar seu doutorado,venha para nossa região.Precisamos de profissionais competentes como vc!!!

  4. Parabéns Dr. Marcelo pelo valioso e eficaz resultado de sua pesquisa. Estou imensamente feliz pelo seu secesso não só por vc e pela sua familia mas especialmente pelos inúmeros pacientes que estão na fila a espera de uma oportunidade de receber um transplante.Deus lhe abençoe!!! Um abraço
    Laércia Regis ( ex-professora da Sacramentinas)

Comments are closed.