Sr. do Bonfim: MP investiga se médicos com especialização contratados pelo município fizeram residência

0
796

Foto ilustrativa.

O Ministério Público de Senhor do Bonfim vai investigar porque os médicos contratados pela Secretaria de Saúde de Senhor do Bonfim, não ostentam registro de especialidade junto ao conselho de classe.

O município contratou médicos com especialização em ginecologia, cirurgião geral, geriatria, psiquiatria, e no entanto, os nomes dos profissionais não constam no Conselho Nacional de Medicina, como sendo eles especialistas da área.

Em contato com a Secretária de Saúde, Angeli Matos, a mesma informou que todos os profissionais tem a especialidade.

O site Ivansilvanoticia manteve contato com um profissional da área (médico), que explicou que o médico após concluir a especialização, ele mesmo, via internet pode fazer o cadastro junto ao Conselho Federal de Medicina.

O Ministério Público vai solicitar mais informações ao Conselho de Medicina, e caso não obtenha as informações desejadas, irá recomendar ao município o cancelamento do contrato de quem não fez especialidade. “Tem médico que faz uma pós graduação e acha que é especialista, pra ele ser especialista ele tem que comprovar que fez residência” explicou.

Ainda segundo informações, na hora de contratar o profissional, o município tem que solicitar documento que prove que o médico é especialista, até porque, o valor que o município paga a um especialista é maior do que o valor da contratação de um médico clínico.

O Ministério Público já enviou ofício solicitando informações ao Conselho Federal e Estadual de Medicina, bem como para o município de Senhor do Bonfim.

SEM COMENTÁRIO