Sr. do Bonfim: Agentes de Endemias divulgam calendário de ações preventivas de combate ao Aedes Aegypti

0
97



Com o objetivo de combater a reprodução do Aedes aegypti, mosquito transmissor de doenças como dengue, zika e chikungunya, os agentes de endemias irão intensificar as ações preventivas em bairros e pontos estratégicos para proliferação durante o verão, e antes do período chuvoso. As visitas iniciarão na próxima segunda-feira (25) e seguirá um cronograma específico.

Essas ações se dão por conta dos vários casos registrados pelos órgãos responsáveis por esses setores em várias cidades do estado da Bahia e do Brasil.

As ações em Senhor do Bonfim serão coordenadas pelo setor de Endemias.

Para o coordenador, Marlon Reis, o combate antes das chuvas, período em que o problema se agrava, estará fazendo com que os números de doenças transmitidas pelo Aedes estejam diminuindo.

“Se fizermos um retrospecto recente, os casos das três doenças reduziram, e, principalmente os óbitos, que não acontecem há dois anos. Ou seja, temos que comemorar, mas não deixar de fazer esse trabalho de combate constante”, disse o coordenador.

Em 2015 e 2016, a Secretaria Municipal de Saúde de Senhor do Bonfim informou que registrou 6.876 casos de doenças oriundas do Aedes Aegypti.

Devido aos números, o trabalho de combate ao mosquito foi reforçado em todo o município. De janeiro de 2017 a Janeiro de 2019, foram apenas 74 casos registrados.

As ações preventivas que serão iniciadas na segunda-feira (25), Seguirá a seguinte programação:

25/03: Visitas em pontos estratégicos de proliferação com aplicação de larvicida e inseticida em nos Cemitérios São Lazaro, São Marcos e Jardim da Saudade;
26/03: Visitas em pontos estratégicos de proliferação com aplicação de larvicidas e inseticidas em Oficinas, borracharias, ferro velho na Br 407;
27/03: Bloqueio com aplicação UBV (fumacê) em bairros com alto indicies de infestação predial levantados no Iº LIRAa 2019, (Bonfim III, Olaria, Promorar);
28/03: Bloqueio com aplicação UBV (fumacê) em bairros com alto indicies de infestação predial levantados no Iº LIRAa 2019, (Alto da Maravilha, Mutirão e Alto Cemitério);
29/03: Mobilização de conscientização no centro da cidade informando sobre como evitar a proliferação do mosquito transmissor dessas doenças.

Os 52 agentes de endemias lotados na secretaria municipal de saúde continuam visitando as dependências dos imóveis, identificando criadouros, informando a população sobre prevenção de forma ininterrupta.

“Essa é uma forma de mostrar a população, que todos podem colaborar no controle dessas doenças, que a prevenção é muito importante e deve ser feita em todos os períodos do ano”, finalizou Marlon.

Combater o Aedes é dever de todos, colabore, faça sua parte!

SEM COMENTÁRIO