“Nunca pensei que teria casa de bloco”, diz baiana que recebeu doação de Deborah Secco e Hugo Moura para construir novo lar

Conhecida como dona Vanda, Ivandi de Jesus Cardoso mora em um imóvel de taipa (terra batida), com o marido e seis filhos. Dona de casa está ansiosa para usar chuveiro pela primeira vez.

0
103

Dona Vanda — Foto: Bismarck Araujo/Arquivo Pessoal.

Moradora de uma comunidade na zona rural da cidade de Canudos, no sertão da Bahia, a dona de casa Ivandi de Jesus Cardoso sempre viveu em residências construídas com taipa (terra batida). Ao longo da vida, ela nunca teve banheiro, água encanada e nem móveis onde vivia com os filhos.

Beneficiada pelo projeto Retratos de Esperança, que ajuda pessoas carentes no interior da Bahia, a dona de casa foi ajudada pela atriz Deborah Secco e o marido, o surfista e ator Hugo Moura, e, agora, vai ter uma casa de verdade. O imóvel começou a ser construído nos últimos dias.

Foto: Deborah Secco e o marido Hugo Moura (Instagram).

Após contato por redes sociais com o projeto, o casal contribuiu para a realização do sonho de Ivandi, com direito a mobília e tudo mais que a família da dona de casa tem direito. A casa fica no mesmo terreno onde Ivandi mora atualmente. O imóvel tem previsão de ser entregue ainda neste mês.

Além de Ivandi, a residência irá abrigar o marido da dona de casa e os seis filhos do casal, que têm idades entre 6 meses e 14 anos.

Dona Vanda, como Ivandi é conhecida, conta que, como nunca teve água encanada em casa, o primeiro banho de chuveiro dela e dos filhos será na casa nova. Antes, a família se banhava de balde, na cisterna da moradia antiga.

Segundo a dona de casa, entre essa e outras dificuldades, o imóvel de taipa também chegou a oferecer risco para a família.

Em um dia de chuva, um pedaço da parede da residência caiu sobre a cama onde um dos meninos dormia. O barro atingiu a perna da criança, que não chegou a ter ferimentos graves. Contudo, o episódio alertou a família para o risco.

Dona Vanda — Foto: Bismarck/Arquivo Pessoal.

Dona Vanda conta que o que mantém as despesas da família são os bicos do marido e o valor que recebe pelo programa federal “Bolsa Família”. Com o dinheiro que recebe, a dona de casa paga as contas e a alimentação dos filhos.

Em entrevista ao G1, Ivandi revelou que já chegou a passar necessidade com os filhos em determinados momentos da vida, quando o dinheiro não foi o bastante.

A família nunca teve condições de proporcionar melhorias na casa antiga e, por isso, a ajuda foi tão importante para uma vida mais digna.

SEM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário