Confraternização comemora 1 ano do retorno das atividades do Projeto de Irrigação de Ponto Novo

0
47

Na noite desse último sábado, 12 de outubro de 2019, foi realizada na sede do Distrito de Irrigação de Ponto Novo, uma confraternização em comemoração a 1 ano do retorno das atividades no Projeto de Irrigação.

O evento contou com a presença de agricultores e familiares, além do prefeito de Ponto Novo, Tiago Venâncio e o Secretário de Agricultura e Gerente do Distrito de Irrigação, Eleilson Gama.

No dia 21 de fevereiro de 2017 projeto de irrigação de Ponto Novo teve suas atividades paralisadas, trazendo muitos prejuízos economia local é agricultores, durante 574 dias de paralisação foram vários protestos e reuniões, depois muita luta e empenho dos agricultores, associação, Gestão Municipal e Distrito foi anunciada a volta da irrigação no perímetro, após o anúncio foram feitos vários mutirões de limpeza, e no dia 04 de outubro foi oficializada a volta das atividades do projeto.

Através relação da Prefeitura Municipal de Ponto Novo com o Governo do estado e da luta do prefeito Tiago Venâncio na articulação política, no diálogo e nas constantes idas a Salvador junto com representantes da Associação dos Reassentados, comissão de produtores e o Distrito de Irrigação, foi possível a celebração do convênio firmado entre o governo do Estado e a Associação dos Reassentados, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural – SDR, Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional – CAR e o Programa Pró-Semiárido para a operacionalização e retorno das atividades produtivas no Projeto de Irrigação de Ponto Novo.

A Prefeitura Municipal de Ponto Novo vem garantindo por meio de convênio com a Associação dos Reassentados o aporte financeiro para custos com funcionários do Distrito de Irrigação, além de intermediar relações com o governo do estado, dando todo o suporte para as questões que envolvem os interesses dos agricultores familiares do Projeto de Irrigação de Ponto Novo, tendo como objetivo manter funcionando o Projeto, proporcionando a geração de emprego e renda para as famílias pontonovenses.

Nesta retomada as atividades agricultoras se comprometeram a plantarem um hectare de mamona para que pudessem formar um fundo para dar mais sustetabilidade as atividades do perímetro irrigado de Ponto Novo. Após este 1 ano já percebe que novos investimentos estão sendo feitos no município, comércios estão surgindo e reabrindo, o agricultor familiar podendo voltar a ter uma vida mais digna e gerando emprego e produção agrícola, neste período agricultores já colheram várias safras de culturas temporárias como a melancia, feijão, tomate, pimentão, abóbora, quiabo, milho, maracujá entre outras culturas.

SEM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário