Paulo Coelho divulga doação de R$ 1 milhão às Obras Sociais Irmã Dulce; ‘Doei a quem me deu de comer’

0
105


O escritor Paulo Coelho divulgou, por meio das redes sociais, que doou R$ 1 milhão às Obras Sociais Irmã Dulce (OSID). Em post no twitter, o escritor ainda criticou políticos que, segundo ele, vão usar dinheiro público para representar o Brasil durante a cerimônia de canonização.

“Ontem doei R$ 1.000.000,00 a quem me deu de comer (recibo abaixo). Hoje vejo que 35 politicos vão gastar dinheiro do contribuinte c/ passagens + USD 478 (R$ 1,9 mil) por dia, “representando o Brasil”. Não! Doem o dinheiro para as obras da Santa dos Pobres!”, disse o escritor em post no Twitter.

“Só divulguei por causa da corja que está indo com dinheiro público para ‘representar o Brasil'”, disse ainda em outro post.

O G1 entrou em contato com a OSID, que confirmou a doação do escritor e ainda informou que Paulo Coelho contribui assiduamente para as Obras Sociais de Irmã Dulce.

De acordo com a assessoria de comunicação da OSID, na biografia de Paulo Coelho, escrita por Fernando Morais, ele narra o episódio em que foi ajudado por Irmã Dulce e diz que guarda o bilhete dela até hoje.

Em recente entrevista, Paulo Coelho disse que está pensando em ir à cerimônia de canonização de Irmã Dulce e falou sobre as doações assíduas.

“Eu estou pensando se vou ou não ao Vaticano agora, porque vai ser canonizada agora uma santa que me deu de comer chamada irmã Dulce. A primeira santa brasileira. Eu estava mendigando na Bahia, eu tinha fugido de casa, e ela me deu de comer. Hoje em dia, graças a Deus, a gente ajuda aos hospitais dela, a gente tem uma fundação que ajuda algumas coisas, entre as quais algumas unidades dos hospitais da irmã Dulce. Penso se vou ou não, estou nessa fase de preguiça, para encontrar o papa. Porque eu já recebi sinais de que ele gostaria de encontrar comigo também”, disse.

SEM COMENTÁRIO