Após vários dias de buscas, terceiro acusado da morte do mototaxista Ezimar é morto

0
737

O terceiro suspeito de participar do assassinato do mototaxista Ezimar Cerqueira dos Santos, 35 anos, em Capim Grosso, foi encontrado morto na tarde dessa sexta-feira, 24, em uma área rural de Itatiaia, município de São José do Jacuípe. O suspeito, identificado como Gabriel Guinay, era caçado desde o dia 19, quando fugiu de um cerco no distrito de Novo Paraíso, município de Jacobina. A moto da vítima foi localizada no distrito, com a placa modificada.

As buscas aos três acusados de matar o mototaxista Ezimar chega ao fim com duas prisões e a morte de Guinay. O mototaxista Ezimar foi morto a golpes de faca e facão, e teve o corpo escondido em uma área perto de um açude em Capim Grosso.

O desaparecimento e morte de Ezimar chocou toda a região e causou revolta pela forma brutal com que ele foi morto. O mototaxista ficou cinco dias desaparecido. Desde a identificação dos acusados do homicídio, dezenas de pessoas faziam buscas voluntariamente em toda a região, entre o município de Jacobina, Capim Grosso e São José do Jacuípe.

Ontem, a fuga de Guinay terminou, ele foi morto com dezenas de tiros à queima-roupa, enquanto se escondia debaixo de uma mesa, em uma casa aparentemente abandonada. Não há informações sobre as circunstâncias da morte do suspeito, nem seus autores.

SEM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário