Câmara de Jacobina suspende atividades após vereador testar positivo para a Covid-19

0
31

As atividades na Câmara de Vereadores de Jacobina, no Norte da Bahia, foram suspensas após um vereador testar positivo para a covid-19. Ato administrativo publicado nesta quarta-feira (25), interrompe as atividades da câmara até a sexta-feira (27), a fim de evitar a propagação da doença.

O vereador Eduardo Alves Ribeiro da Silva, de 36 anos, que participou da última sessão na Câmara que ocorreu em 19 de novembro e esteve no gabinete na última segunda-feira (23), foi o primeiro a testar positivo na Casa Legislativa de Jacobina. O vereador chegou a apresentar febre e fortes dores no corpo, mas se recupera em casa, publicou o G1.

Durante essa suspensão de três dias, a casa estará passando por higienização com desinfecção na área externa e interna. Segundo o presidente da Casa, todos os vereadores e servidores estão sendo testados. A Câmara informou ainda que aguarda o resultado do exame de um servidor.

A Casa Legislativa informou desde o início da pandemia, há cumprimento rigoroso de todas as orientações da OMS, do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado, como também há controle de acesso ao plenário durante as sessões.

A Câmara de Vereadores de Jacobina possui 17 vereadores e 30 servidores. Desses 17 vereadores, cinco se enquadram no grupo de risco.

SEM COMENTÁRIO