Itamaraty confirma importação de doses da vacina de Oxford produzidas na Índia

0
33

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, confirmou, na manhã desta terça-feira (5), a importação de 2 milhões de doses da vacina de Oxford produzidas na Índia.

Na última segunda-feira (4), o instituto Serum, responsável por fornecer as 2 milhões de doses da vacina para o Brasil, havia comunicado que o governo indiano não iria permitir a exportação do imunizante produzido no país.

O comunicado da empresa ocorreu um dia depois de a Fiocruz anunciar contrato com o instituto para compra e fornecimento das doses, com chegada dos primeiros insumos de produção previstos ainda para este mês de janeiro. A Fiocruz é o fabricante brasileiro da vacina de Oxford.

Diante da situação, o Itamaraty entrou em negociação com o governo da Índia para garantir a entrega ao Brasil das doses prontas da Serum. Em novo comunicado, na manhã desta terça-feira, a empresa informou um recuo da decisão.

“Está confirmada a importação de 2 milhões de doses da vacina da AstraZeneca/Oxford produzidas na Índia, com data provável de entrega a partir de meados do corrente mês de janeiro”, comunicou o Itamaraty.

SEM COMENTÁRIO