Ponto Novo: Poluição por lixo doméstico no Rio Itapicuru-açu cresce a cada dia

0
54

O Rio Itapicuru-açu, um dos mais importantes de toda a região norte da Bahia, tem sido constantemente ameaçado pela poluição. Desde a sua nascente, em Pindobaçu, o Itapicuru-açu passa por diversas cidades baianas, os municípios totalmente inseridos na bacia do rio Itapicurú são: Andorinha, Antônio Gonçalves, Araci, Banzaê, Caém, Caldeirão Grande, Cansanção, Capim Grosso, Cipó, Crisópolis, Filadélfia, Itiúba, Monte Santo, Nordestina, Nova Soure, Olindina, Pindobaçu, Ponto Novo, Queimadas, Quinjingue, Santa Luz, Saúde, Senhor do Bonfim, Tucano.

No município de Ponto Novo, o rio passa pela barragem local, um grande e importante reservatório que permite que a região continue sendo abastecida em períodos de estiagem, a situação da poluição vem aumentada de forma desenfreada depois do isolamento social, muitas pessoas se deslocam para os rios, o tempo quente do verão faz com que muitas delas escolham ele como forma de lazer, infelizmente uma parte deles deixam as margens com lixos domésticos, além da poluição, o caramujo, transmissor da esquistossomose, doença que causa milhares de mortes todos os anos também pode se prolifera, é esse o mesmo rio que abastece as casas, irriga as plantações e sacia a sede dos animais.

Apesar de parecer muito distante da nossa realidade, todos podem cooperar para o futuro das águas, a água é fonte de vida, um recurso natural que necessita de cuidado. Todo bem que não é cuidado ou preservado se deteriora e acaba. O problema é que a água não tem substituto!

Se todos fizermos nossa parte, podemos amenizar a situação e através da conscientização das autoridades e autuar os que não estão dispostos a preservar nossos recursos hídricos.

SEM COMENTÁRIO