Crianças de Uauá recebem kits escolares da LBV

Como incentivo à educação, LBV entrega 400 kits com materiais pedagógicos à Escolas Municipais em Uauá.

0
66

Depois de percorrer 427km, a Legião da Boa Vontade (LBV) chegou no Sertão São Francisco, em Uauá/BA. Nem o sol, nem o calor, nem o balanço do carro em meio as pedras da estrada de terra impediram a Instituição de cumprir a sua missão: incentivar e investir na educação de crianças sertanejas, já que com as aulas interrompidas, e todos os desafios econômicos, ocasionados pela pandemia, os pequenos tiveram dificuldade em estudar.

Se já é difícil trazer o alimento para o lar, como garantir os materiais escolares? Por isso, a LBV entregou 400 kits com materiais pedagógicos à meninos e meninas em vulnerabilidade social na região, para que continuem buscando o aprendizado e realizem seus sonhos.

Os kits escolares foram entregues nos dias 11 e 12 nas Escolas Municipais Padre Gregório, no povoado de Santana e Santo Antônio, no povoado Caratacá e às Escolas Municipais Castro Alves, no povoado de Bendegó da Pedra e Santo Antônio, no povoado Sítio de Tomás. Ao chegar lá, as crianças encontraram as escolas decoradas e foram recebidas com muito carinho.

Ao receber o kit, a pequena Isabel Andrade Dias, de 8 anos revelou um sonho e muitas saudades: “Eu estou sentindo falta da escola, dos meus amigos, da professora, de ler, de estudar… eu quero ser médica e quando você estuda pra crescer, você pode ser médica. Quero ser médica para cuidar das pessoas”.

As crianças receberam uma mochila repleta de materiais escolares, como caixa de giz de cera, lápis de cor, caneta, estojo, apontador, borracha, régua, caneta, caderno de brochura, tesoura sem ponta, etc. Para Maricélia Araújo de Morais, Gestora da Escola Municipal Santo Antônio, no povoado Caratacá, esses materiais evitam que as famílias precisem comprometer na alimentação dos seus filhos “A gente que conhece essa realidade, que nascemos e fomos criados aqui, sabemos da importância desses kits. Vai facilitar muito porque, uma mãe que ia precisar tirar dinheiro do bolsa família pra comprar o caderno, ela faz um sacrifício na mesa dela, mas quando vem esse kit, ela não vai mais precisar tirar na alimentação da família. E agora com as aulas remotas, eles vão precisar desses itens” afirmou Maricélia.

E quem vive essa realidade de perto é a Leidiane de Almeida, mãe dos pequenos Rauf, de 10 anos e Riquelme de Almeida, de 11 anos: “A gente está passando por uma dificuldade muito grande, que é essa pandemia, então recebendo um incentivo desse a gente sente que não está esquecido no mundo”. Leidiane ainda destacou a importância desses materiais diante dos desafios financeiros que eles vivem. “Nós que vive da roça, a gente trabalha só pra sustento mesmo. Vive mais do bolsa família, junta com uma rendinha que tira na roça e a nossa sobrevivência é essa. Então os kits chegaram em boa hora, porque estamos gastando com outras coisas que precisa, de produtos de higiene que a gente e não pode se afastar deles”.

Além de incentivar a educação das crianças, os kits com materiais pedagógicos também vão ajudar na situação econômica das famílias, que sofreram os impactos da pandemia. Quer ajudar essas famílias e investir no futuro de nossas crianças? Participe da campanha da LBV Criança Nota 10 — Proteger a infância é acreditar no futuro!

As doações podem ser feitas diretamente no site http://www.lbv.org ou pelo telefone 0800 055 50 99. Para outras informações sobre essa ação solidária, basta acessar o endereço @lbvbrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

SEM COMENTÁRIO