Ministério da Saúde avalia a eficácia do reforço de meia dose da vacina contra a Covid-19

0
21

Foto: Dinaldo Silva/BNews

O Ministério da Saúde quer analisar a eficácia da aplicação de meia dose como reforço da vacina contra a Covid-19, em estudo com a Universidade de Oxford. No Brasil, já se aplica as terceiras doses, mas da CoronaVac, em idosos e imunossuprimidos.

O objetivo da pesquisa é saber se as pessoas que receberem meia dose ficaram imunizadas da mesma maneira do que as que receberam a terceira dose completa. Caso isso aconteça, o Brasil e outros países com poucos imunizantes em estoque podem otimizar e aplicar o dobro de vacinas.

O estudo também pretende aferir a eficiência da intercambialidade de vacinas, como no caso da de Oxford com a CoronaVac e outros imunizantes disponíveis hoje no país, segundo informações da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

O resultado vai nortear as próximas decisões do Ministério da Saúde acerca da necessidade da dose de reforço.

SEM COMENTÁRIO